O sorriso de uma criança

A verdade em seus olhos

A hora pontual de ler as suas histórias

A voz doce ao dizer

Eu te amo

Doces lembranças

Sonhos de infância

Cheiro de bolo de chocolate

Ou aquela farofa às 10h da manhã

Cartas e bilhetes embaixo da porta

Um abraço apertado

Eu pude ter

Só quem conhece o amor

É quem jamais pode esquecer

J. Nobre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s